Indicado ao Prêmio Influenciadores Digitais 2017, na categoria Meio Ambiente e Sustentabilidade, o eCycle foi concebido a partir de uma série de reflexões sobre empresas, suas influências socioambientais e o papel dos indivíduos nesse contexto, com suas interações enquanto profissionais e consumidores.

Onofre de Araujo Neto, publisher do canal, conta também que a ideia surgiu a partir da perspectiva crítica sobre como as relações entre empreendimentos e pessoas ocorrem e seus desdobramentos sociais e ambientais. “A partir daí, o desafio foi imaginar um empreendimento que pudesse contribuir positivamente com essas relações na entrega de valor à sociedade e ao meio ambiente que a integra”, explica.

Outra premissa era que a empresa se configurasse a partir de pessoas que desfrutassem do prazer de trabalharem juntas no segmento digital. “Também era essencial que o sucesso no atendimento a essas premissas fosse capaz de remunerar o empreendimento, construir valor econômico e remunerar os integrantes do projeto”, diz Onofre.

Como funciona o eCycle

homepage-facebook

O eCycle não se configura simplesmente em um portal de conteúdo. “Costumamos pensar nossa iniciativa como um ecossistema. Complementarmente ao canal editorial, que provê, em linguagem amigável, muita informação sobre práticas de consumo sustentável, oferecemos um localizador de postos para a destinação de objetos cujo descarte inadequado possa ocasionar poluição ambiental”, conta Onofre.

O canal funciona como um serviço de utilidade pública que transborda o digital e interfere no território ao contribuir para a redução de resíduos dispensados de maneira inadequada, desonera aterros sanitários de objetos que lá não deveriam estar, fomenta o trabalho de cooperativas e incrementa os níveis de reciclagem, contribuindo portanto para a Economia Circular a partir do usuário final. “Além disso, oferecemos ao nossos usuários um transacional de comércio eletrônico, onde podem encontrar diversos produtos redutores de pegada ambiental”, explica.  Cada canal possui um staff que se interconecta, de maneira que a integração ocorra naturalmente, sob a direção dos sócios, que desempenham papéis complementares que entendem como essenciais ao negócio.

No âmbito comercial, Onofre explica que cada canal possui suas possibilidades de negócios para interessados na temática proposta. Na parte publicitária, no portal de conteúdos, são veiculadas campanhas por meio de agências, e diretamente a clientes, adotando servidores de anúncios para alocação dinâmica quando necessário. “Da mesma forma pensamos estrategicamente na construção de conteúdos que possam potencializar a relevância de determinados temas. Oferecemos nosso conteúdo a portais horizontais (que veiculam todo tipo de conteúdo), como a parceria que cultivamos com o MSN Brasil, por exemplo”, conta o publisher.  Além destes, o canal pós-consumo e o transacional de comércio possuem seus modelos de negócios complementares, embora mais específicos.

A relevância de ser um influenciador digital

Para Onofre, apesar do conceito de influenciador digital ser relativamente novo já era algo com o qual o canal se preocupa na origem do empreendimento. “Nosso objetivo sempre se orientou, de maneira muito bem definida, em compartilhar com nossos usuários um repertório on-line que pudesse ajudá-los com suas práticas de consumo, levando em conta a sustentabilidade. Ou seja, a ideia era sermos capazes de inspirar suas decisões de consumo propriamente ditas, influenciando-as com nosso conteúdo digital”, explica.

Para ele, estar entre os seis influenciadores mais relevantes na categoria Meio Ambiente e Sustentabilidade valida os esforços no desenvolvimento de um trabalho extremamente sério, embora de uma maneira não careta. “Recompensa o fato de havermos acreditado que um modelo alternativo de negócios, que em complemento à narrativa adota práticas que efetivamente prestigiam valores de contribuição para uma sociedade mais legal para se viver. Tem sido uma estrada bacana”, explica. No ano passado, o eCycle foi um dos premiados como um dos influenciadores mais relevantes na categoria. “Estamos entusiasmados com as possibilidades de mais uma vez participarmos desse prêmio, cuja iniciativa julgamos da maior importância, e a qual congratulamos a organização por promover”, conclui Onofre.

SAIBA MAIS

Canal: eCycle
Site: eCycle
Números: atualmente, 1,5 milhão de visitas mensais no canal editorial, cujo conteúdo irriga outras zonas de influência digital.

VOTAÇÃO

Acesse o site do Prêmio Influenciadores Digitais e vote em até três influenciadores digitais em cada uma das 20 categorias.