Em 2020, investimentos em publicidade digital no Brasil chegaram a R$ 23,7 bilhões, sendo 36% deste total, ou seja R$ 8,6 bilhões, dedicados em formatos de vídeo.

Para Cris Camargo, CEO da IAB Brasil, a facilidade do formato do vídeo é essencial para a publicidade. “O vídeo online é atraente para a população que está cada vez mais se acostumado a assistir o que quer e quando quer e em dispositivos variados. Além disso, as possibilidades que o formato oferece para criação e inovação o tornam ideal tanto para construção de marca quanto para geração de resultados de negócio”, comenta o CEO.

Recuperação

“A publicidade em vídeo no digital, assim como outros formatos, teve um impacto no segundo trimestre de 2020, muito por conta do momento de incerteza causado pela pandemia de Covid-19. Porém, o formato se recuperou com a adaptação do mercado ao cenário da pandemia e com o aumento do consumo online, crescendo 60% do segundo ao quarto trimestre de 2020”, aponta Melissa Vogel, CEO da Kantar IBOPE Media do Brasil.

Os dados sobre a veiculação publicitária em vídeos na internet foram divulgados durante o 3º dia do IAB NEXT 2021, principal evento do IAB Brasil, associação que representa o mercado de publicidade digital no país.

publicidade em vídeos

As informações exclusivas sobre a publicidade de vídeo no digital pertencem ao Digital AdSpend, estudo que apresenta uma visão estratégica dos investimentos em mídia digital no país. Assim como de visões setoriais e análises inéditas. O levantamento foi realizada através da parceria do IAB Brasil e da Kantar IBOPE Media.

Domínio do território

Os dados apontam que na área de mídia social, o formato vídeo predominou e representou mais de 80% do total da verba investida na publicidade digital em 2020 nessas plataformas, isso comparado a outros formatos de anúncios que representaram 17%.

No primeiro semestre de 2021 a quantidade de impressões de anúncios em vídeo no mundo digital somou mais de 180 bilhões. Vale lembrar que a partir desse total, 53% dos anúncios em vídeo foram em ambiente mobile e 47% em desktop.

Os melhores setores em número de impressões de anúncios em vídeo digital nos primeiros seis meses deste ano foram Serviços, com 33% do total, Comércio (13%), Telecomunicações (10%), Financeiro (7%) e Eletros (6%).