Segundo estudo divulgado pela Emplifi os gastos com redes sociais tiveram um crescimento de 21% em relação ao mesmo período de 2021. Apesar do aumento do investimento, a taxa de engajamento permanece estável nas plataformas.

Em relação a alta temporada de festas do quarto trimestre de 2021 houve uma queda de 19% no investimento nas redes, mas ao comparar com à média do primeiro trimestre de 2021 o aumento é registrado.

“Apesar da queda nos gastos com anúncios após a temporada de festas, as marcas ainda estão gastando mais do que na época do ano passado, mesmo com taxas de cliques em declínio que agora estão abaixo de 1%”, afirmou Zarnaz Arlia, CMO da Emplifi.

foto-1

Engajamento

O engajamento no Instagram permaneceu estável. As postagens recebem uma média de pouco mais de 32 interações por 1.000 impressões, número que permaneceu relativamente consistente no ano passado.

Já o Facebook apresentou queda de 17% no número de curtidas, comentários e compartilhamentos. A rede contava com uma média de 6,54 interações por 1.000 impressões, e após um ano esse número caiu para 5,44.

Performance no Brasil

Os top 6 perfis brasileiros com melhor performance no Instagram são:

1. Netflix Brasil com 68.940.468 interações em 248 posts;
2. Obvious com 4.521.576 interações em 198 posts;
3. Wendell Carvalho com 4.436.945 interações em 213 posts;
4. Disney+ Brasil com 3.544.027 interações em 306 posts;
5. Grão de Gente com 3.388.887 interações em 658 posts;
6. HBO Max Brasil com 2.213.665 interações em 473 posts.

Os top 6 perfis com melhor performance no Facebook são:

1. Pontofrio com 3.283.116 interações em 292 posts;
2. Netflix Brasil com 3.023.326 interações em 315 posts;
Casas Bahia com 2.244.568 interações 3. em 277 posts;
4. Patins Cascavel com 1.183.684 interações em 88 posts;
5. Atacado Games com 1.373.294 interações em 437 posts;
6. Hurb com 1.124.399 interações em 676 posts.